compartilhar esta notícia no facebook

publicada em 09/06/2017

PAREDÃO!

Quarta rodada da Série B1 e pela primeira vez o goleiro Luís Guilherme foi vazado na meta do São Gonçalo. A cena poderia ter piorado, mas o camisa 1 do Mais Querido defendeu pênalti cobrado pelo então artilheiro da competição Igor Fellipe.

Após a partida, Luís Guilherme citou vários fatores que contribuíram para a dificuldade da partida.

"O jogo teve muitos fatores. O calor foi fundamental, o campo é curto, o jogo muito rápido, mas o que pegou pra gente, pegou pra eles também. Aconteceu uma coisa que não vinha acontecendo, um fato novo, que foi a gente ter sofrido um gol. Isso é bom, porque tira um pouco daquela paranoia de defender, de não tomar gol, tem um lado positivo nisso. O pênalti foi providencial. Talvez se o placar se invertesse, seria muito difícil empatar e virar, devido as circunstâncias do jogo. Mas foi equilibrado, foi um jogo aberto, um jogo franco. As duas equipes atacaram bem e nós fomos mais precisos. Criamos mais e conseguimos concluir mais e sair com a vitória".

Heroi ao pegar um pênalti, o camisa 1 do Azul e Branco afirmou que não tinha referência do cobrador e que esperou até o último instante para definir o lado.

"Não tinha nenhuma referência. Procurei ficar tranquilo, tanto é que não fui falar com arbitragem, não fui discutir nada, me desliguei. Acho que é uma perda de tempo, você discutir com o juiz, porque depois que está feito não volta. Procurei esperar o máximo, saí na batida da bola, fui feliz e fiz uma boa defesa, uma boa intervenção".

O São Gonçalo volta a campo no próximo domingo (11), às 15h, contra o Gonçalense, pela 5ª rodada da Série B1 do Campeonato Carioca, no Alzirão.

Texto e Foto: Assessoria de imprensa São Gonçalo Esporte Clube

 

Deixe seu comentário aqui

 

  voltar

Próximo jogo

 


Não há jogo agendado até o momento.

 


Jogo anterior

1 x 0
13/09/2017 às 15:00hs - Copa Rio 2017
Alzirão

Parceiros & Patrocinadores